Siga-nos através do Youtube

Brasileirão 2021: Principais mudanças e quando começa

Brasileirão 2021
Créditos:CBF/Brasileirão terá 38 rodadas

 

O Brasileirão 2021 ainda não começou, mas seu novo regulamento trouxe mudanças significativas. Com o intuito de diminuir demissões, agora os times poderão demitir apenas uma vez seu comandante. VAR terá sede única.

A CBF divulgou que em 2021, cada equipe terá no máximo dois treinadores. Em contrapartida, cada profissional só pedirá demissão uma única vez, dessa forma, limitado a treinar dois clubes da mesma divisão.

Essa mudança aconteceu após conselho técnico com os vinte participantes da série A. Informações dão conta que a votação ficou 11 a 09 a favor da alteração. Esta é a primeira vez que a regra foi aceita pela maioria, no Brasileirão.

Athletico, Atlético-GO, Bahia, Ceará, Cuiabá, Grêmio, Flamengo, Fortaleza e Juventude votaram contra. Já Atlético-MG, América-MG, Bragantino, Chapecoense, Corinthians, Fluminense, Internacional, Palmeiras, São Paulo, Santos, Sport foram a favor.

Por fim, caso o clube demita pela segunda vez, o time poderá inscrever um membro da comissão técnica que esteja no time há pelo menos seis meses.

VAR no Brasileirão

Extremamente questionada em 2020/21, a arbitragem do Brasileirão também foi tema. A CBF informou que a partir deste ano, a central única será usada tanto no brasileiro, quanto na copa do Brasil, das oitavas de final adiante. 

Dessa forma, sua localização será no Rio de Janeiro e serão bancados pela confederação. Porque a intenção é padronizar os critérios e melhorar no treinamento da equipe. 

Alvo de muitas críticas no Brasileirão passado, o desejo da CBF é evoluir, a fim de evitar erros. Para o presidente da CBF, Rogério Caboclo, o exemplo veio da NBA. “É um escritório primoroso inspirado na central que existe hoje na NBA”. afirmou. Além disso, evita maior número de pessoas no estádio.

O campeonato brasileiro começa dia 29 de maio e termina em 05 de dezembro.

Deixe uma resposta