Aniversário da J-League é marcado pelo “clássico da nostalgia”

Foto: Kashima Antlers

15 de maio de 1993. O dia em que ficou marcado pelo início da principal competição de futebol do Japão, a J-League. A princípio, uma partida não sai da memória dos torcedores. O duelo entre Kawasaki Frontale x Yokohama Marinos aconteceu no Estádio Nacional de Tokyo. Posteriormente, a data ficou conhecida como “J-League Day”.

Por outro lado, a surpresa da primeira rodada ficou por conta do Kashima Antlers, último clube a ser escolhido pelos fundadores da liga. O clube surpreendeu o Nagoya Grampus, que tinha em seu elenco o atacante inglês Gary Lineker.

Contudo, ele não tocou na bola e os brasileiros roubaram a cena em Kashima, uma cidade que muita gente não sabe que existe, mas que a partir daquele dia ficou conhecida mundialmente.

Então com 40 anos, Zico fez um hat-trick e seu parceiro Alcindo completou a goleada por 5 x 0. Uma grande estreia da equipe que anos mais tarde se tornaria a mais vitoriosa do país.

O jogo

28 anos depois, o mesmo Kashima Antlers entrou em campo contra o Yokohama F-Marinos, no clássico das equipes que nunca foram rebaixadas. O Yokohama tinha o segundo melhor ataque e a segunda melhor defesa e não perdia desde a primeira rodada. A equipe começou bem o jogo e abriu o placar com Onaiwu, após jogada do brasileiro Élber, recém-contratado e que se adaptou rápido ao time.

No entanto, o Antlers logo empatou, virou e chegou a goleada. Shoma Doi fez o primeiro hat-trick da carreira e se tornou o primeiro japonês a marcar três gols desde Takuya Nozawa em 2006.

Logo após fazer os três gols, Doi lembrou o feito de Zico em 93. “Temos muita gratidão por ele ter construído essa história 28 anos atrás”, declarou. “Hoje fico feliz por ser o Zico japonês”, completou o atacante.

O centroavante Ryotaro Araki, de 19 anos e Ueda também marcaram. A defesa que vinha bem, desmoronou. No finalzinho do jogo, o Kashima perdeu o lateral Keigo Tsunemoto expulso, apesar disso, o adversário não conseguiu nada e terminou 5 x 3 para o time da casa.

Assim, o time de Ibaraki comprova o seu crescimento na competição após a troca de treinador e com o triunfo alcançou o sexto lugar. Já o Marinos estaciona nos 27 pontos, na quarta posição.

Deixe um comentário